7 comentários:
De Miguel Domingues a 27 de Setembro de 2006 às 01:28
Eu acho que a melhor solução é emigrar. Mas sobre isso já falei no meu poiso. Resta-me afirmar que a imitação do King Card por parte da Medeia é tão obvia e crassa que parece uma birra de putos mimados. Estava-lhes a doer partilhar o sucesso da iniciativa...

É a vida!


De Hugo Alves a 27 de Setembro de 2006 às 12:30
Há uma expressão que me assola a mente: concorrência desleal


De Gustavo Carriço a 27 de Setembro de 2006 às 13:34
Não sei se sabem mas poderão contactar a millenium cinemas para cancelarem o king kard.

Gustavocarrico@yahoo.com


De Rita a 27 de Setembro de 2006 às 14:14
Para quem, como eu, pagou no esquema anualidade, essa opção não é a mais viável (duvido muito que haja qualquer tipo de esquema de reembolso, uma vez que há a salvaguarda da hipótese de o número de salas diminuir).
Além disso, confesso, o meu cartão já me compensou o investimento.


De Gustavo Carriço a 27 de Setembro de 2006 às 14:36
Pela informação que tenho eles irao reembolsar quem pagou o ano inteiro.
Liguei para la hoje mesmo e estou à espera de uma resposta.


De gustavo carriço a 27 de Setembro de 2006 às 14:40
Ao ler-se a clausula 6.7 salvo erro, do contrato ha a indicaçao que é possivel terminar o contrato caso surja alguma alteração anormal, imprevisivel e definitiva Às condiçoes em que este foi celebrado. O que eu fiz foi exactamente escrever carta registada a referir que dos 5 cinemas disponiveis qdo fiz o contrato, apenas 1 esta agora disponivel, sendo que foi 2, 3 x / mes ao alvalaxia. é uma razao anormal, imprevisivel e definitiva devido à criação do medeia card.
Agora se achas que vale a pena ou nao pedir o cancelamento, isso é contigo. Como só fiz o cartao em abril, ainda me faltam 6 meses para 1 ano.


De Vasco a 18 de Outubro de 2006 às 13:46
Caros cinefilos, a vida nao e so kards, como diz a Rita, e bem, o cartao foi concerteza bem aproveitado por todos nos, portanto acho que numa sociedade capitalista como aquela em que vivemos, fica bem pensar que o facto de nao reclamarmos vai ajudar a que mais cinemas se mantenham e sempre fica a memoria!


Comentar post