2 comentários:
De Cátia aka Isobel a 12 de Fevereiro de 2008 às 23:26
Percebo a crítica, embora não concorde porque senti precisamente o oposto. Vi conteúdo onde viu aridez, vi preenchimento onde viu tédio.
Ang Lee é muito conservador, o que explica (na minha opinião) a razão pela qual se perde um pouco da essência daquele que poderia ser um filme maior. Ainda assim, acho-o muito bom.


De Miguel a 17 de Dezembro de 2008 às 16:48
ñ percebo a critica, vi precisamente e apenas o oposto.


Comentar post